imperfeito

segunda-feira, abril 28, 2008

Minha estória



Minha estória

Nasci de pai e mãe, numa cidade tão grande que não cabe aqui. Sou jupiteriano. Somos trigêmeos, eu, mim e ele (quando estou ausente ou quando visto por alguém de fora). Adoro música com começo e filme com fim. Sou escandalosamente calmo, depois de 10 valiuns e rio escandalosamente de tudo, depois de 10 prozac. Não penso na morte da bezerra, porque, para mim, no céu tem animais.

Amigos, tive-os, tenho-os e os terei, mas, à medida em que o tempo passa, assim como os cabelos, eles caem, ou mudam tanto de cor, que fica impossivel defini-los.

Ah, meus pais foram maravilhosos. Ensinaram tanto aos outros na escola, que nunca tiveram tempo para eu, mim e ele. Por isso, ainda não somos gente. E por isso, ainda estamos correndo atrás deles, porque os queremos muito.

Independente sempre fui. Nunca dependi de ninguem para comer pipoca, soltar pipa e olhar pelo buraco da fechadura. Mas sou muito indeciso, até hoje não sei dizer se gosto mais de pipoca doce ou salgada.

Namoradas, muitas...recortava das revistas fotos de Marylin, Uma Turman, Angelina, ...e, como ainda sou indeciso, não consegui escolher com quem casar.

Ler é comigo, leio muito, resultado do jogo do bicho no poste, grafiti nas paredes, nomes de lojas e de ruas...

Rabisco tudo que encontro, carros, paredes, bancos... e acho que não é dificil escrever um livro, tem tanta gente publicando, que deve ser muito fácil.

Tecnologia detesto. Detesto caixa automatica de banco, porque nunca tenho nada a por ou a tirar. Mas, em compensação sou cheio de conhecimento. Sei fritar ovo, conheço todo mundo na rua, sei amarrar cadarço de tenis e dar nó em gravata.

Adoro multidões, na tv.

E não tenho medo algum de elevadores. Quando eleva dor, tomo aspirina.

Como vocês viram, mando na lata. Nunca deixo para depois e às vezes me arrependo. Com um pouquinho de diplomacia e eles me deixavam usar o banheiro do boteco. Ih, mijei, tem censura ai ?

Minha boca não fecha mais, vivo sorrindo, as pessoas acham que sou simpático, dado, feliz, nada disso, é que me disseram que sorrir trabalha os músculos do rosto e a pessoa vive mais e não tem rugas.

Nisso, amiga, nós combinamos. Adoro dias corridos...mas preciso parar com o vicio de apostar neles, sempre perco.

Mas, isso de colocar a cabeça no travesseiro e pensar "caraca, que dia!", isso é muito bom, principalmente, se o travesseiro for de plumas de ganso europeu, os lençóis de linho egipcio, a cama uma big king size, sem ter que pagar conta alguma, porque o povo paga por mim, rindo escancaradamente, novamente enganei os trouxas, eles pensam que comigo o povo está no poder.

Viu ? Contei minha estória, sem tirar nem por, verdade verdadeira...e de cabeça para baixo, de trás para diante. Quem quiser que conte outra.

13 Comments:

  • Gostei da história da sua vida! rsrs

    By Blogger Andréa Motta, at 1:02 AM  

  • eu também leio coisas em postes e ameeeeeeeeei essa foto, kkkkkkkkkkkkkkkk

    beijos, queriDO, rs*

    MM.

    ps: ficar triste contigo? nunca!

    By Blogger FINA FLOR, at 2:22 AM  

  • Uma forma bem original de se descrever rsrsrs

    Adoreia a foto!!!!!!!!!

    Beijo

    By Blogger Jana, at 9:03 AM  

  • Eh Carioca....tens o dom das palavra bonitas....

    rsrsrs

    Agora me responde...de quem eh essa tatoo?
    rsrsr
    Adorei os macaquinhos!!1
    hehhehe

    By Blogger Tâmara, at 1:22 PM  

  • Mais interessante do que a minha1 rs...

    Bjos de mim, eu mesma e a outra que habita em mim,mas tá de férias! heheheeh

    By Blogger Lorita, at 6:05 PM  

  • Luiz!
    Rindo da sua estória...rss
    Vejo que praticas a leitura, escreves super bem e relata tudo com autenticidade!
    Boa viagem, beijo!

    By Blogger Lu, at 10:05 PM  

  • AMEI a sinceridade!
    E rir é ótiiimo! Eu também vivo com um sorriso estampado nos lábios!!!!


    Beijos!

    By Blogger Andreia, at 2:27 AM  

  • Luiz, tantas imperfeições existem e nos entristecem.Adorei você por lá.
    Ah! Luiz eu gosto mais de pipoca doce, isto eu já descobri.
    Abraços.

    By Blogger Silêncios de um coração, at 10:00 AM  

  • Oi, Luiz. Vi seu recado no blog. Não chegou nada ao meu email. Boa sexta|!

    By Blogger Andréa Motta, at 7:05 PM  

  • Adorei! Adorei!!! (((:

    Quem se conta de si um ponto diminui para aumentar-se por ser grande em verdade. (;

    Beijos.

    By Blogger Paula Calixto, at 9:12 PM  

  • Ei! Adorei te conhecer!
    Vi seu link no link de outra pessoa que passou pela minha página, não é que me identifiquei com sua história?
    Muito agradecida por compartilhar deste mundo de histórias e estórias, seja benvindo na minha página e se quiser me dar a graça de um comentário estarei sorrindo pra você e seus "EUs".
    Boas noites e bons dias!

    By Blogger Luiza Helena, at 8:28 PM  

  • rsrsrsrsr
    Adorei o post..rs
    bjus

    By Blogger Vivi, at 1:50 PM  

  • Luiz, vim avisar que vou te linkar
    e não aceito um NÃO como resposta.

    Acabou a conversa!
    Um grande abraço.
    Eliana Alves

    By Blogger Espaço Mensaleiro, at 5:22 AM  

Postar um comentário

<< Home